Participe da pesquisa nacional sobre assédio e discriminação

23/11/2021

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) convida magistradas, magistrados, servidoras, servidores, colaboradoras, colaboradores, estagiárias e estagiários a participarem de uma pesquisa nacional para diagnosticar casos de assédio e/ou discriminação.

O prazo para responder a pesquisa é até o dia 3 de dezembro, com preservação do anonimato. A senha de acesso exclusiva para os integrantes do TRE-MG é D8FP0S88.

As respostas obtidas serão fundamentais para o direcionamento das próximas ações do Comitê de Prevenção e Enfrentamento do Assédio e da Discriminação do Poder Judiciário, a fim de promover o trabalho digno, saudável, seguro e sustentável no âmbito desse Poder.

Dúvidas podem ser esclarecidas pelo e-mail combateaoassedio@cnj.jus.br.

Falando nisso, a Comissão de Prevenção e Enfrentamento do Assédio Moral, do Assédio Sexual e da Discriminação do TRE, em parceria com a Escola Judiciária Eleitoral (EJE), promoveu uma livena última sexta-feira (19). 

Para denunciar os casos de assédio, a servidora ou o servidor deve preencher o formulário da Ouvidoria na internet, que será encaminhado para a Comissão.