Logo da Ejemg

A EJEMG

A Escola Judiciária Eleitoral Ministro Sálvio de Figueiredo Teixeira é responsável pela capacitação dos juízes eleitorais e servidores do Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais. Ela também realiza ações de estímulo ao estudo e à pesquisa sobre Direito Eleitoral, bem como projetos de formação de eleitores, membros de partidos políticos e candidatos em potencial.

HISTÓRIA

A Escola Judiciária Eleitoral de Minas Gerais “MINISTRO SÁLVIO DE FIGUEIREDO TEIXEIRA”  (EJEMG) foi criada pelo TRE-MG em 13 de dezembro de 2004, na Presidência do Desembargador Kelsen do Prado Carneiro (Resolução 666 de 13/12/2004). Sua organização e funcionamento são regulamentados pela Resolução TRE-MG Nº 1.142/2020.

O PATRONO

O “MINISTRO SÁLVIO DE FIGUEIREDO TEIXEIRA”,  membro da Corte do Tribunal Superior Eleitoral, destacou-se como precursor da necessidade de preparação e formação do pessoal da Justiça Eleitoral. O Ministro foi o coordenador dos estudos que levaram à criação da Escola Judiciária do Tribunal Superior Eleitoral em agosto de 2002, da qual foi primeiro Diretor Superintendente.

Abrangência de ação da Escola Judiciária do TRE/MG: Formação,  atualização e especialização, inicial, continuada ou eventual de Magistrados, membros do Ministério Público Eleitoral, servidores da Justiça Eleitoral de Minas Gerais e interessados no estudo do Direito Eleitoral, bem como o estímulo e a divulgação do estudo do Direito Eleitoral entre os seus operadores.

ESCOLA JUDICIÁRIA ELEITORAL MINISTRO SÁLVIO DE FIGUEIREDO TEIXEIRA
Av. Prudente de Morais, 100, Cidade Jardim, Belo Horizonte/MG, CEP: 30.380-002

Compõem a Escola Judiciária Eleitoral:
I – o Diretor-Superintendente;
II – o Diretor Executivo;
III – a Coordenadoria Executiva;
IV – o Conselho Consultivo.

•DIRETOR SUPERITENDENTE: Desembargador Alexandre Victor de Carvalho

DIRETOR EXECUTIVO: Juíza Roberta Rocha Fonseca

CONSELHO CONSULTIVO:

I – Diretor-Superintendente;
II – Diretor Executivo;
III – Diretor-Geral da Secretaria do Tribunal;
IV – Coordenador Executivo da EJE-MG, como Secretário do Conselho;
V – titular da Secretária Judiciária;
VI – titular da Secretaria de Gestão da Informação e de Atos Partidários;
VII – titular da Secretaria de Gestão de Pessoas;
VIII – titular da Secretaria de Tecnologia da Informação;
IX – titular da Secretaria de Orçamento e Finanças;
X – titular da Coordenadoria de Comunicação Social;
XI – titular da Coordenadoria de Gestão Estratégica.

•COORDENAÇÃO EXECUTIVA
Telefone: (31) 3307-1102
E-mail: ejemg@tre-mg.jus.br
Chefia: Noriko Tsukamoto

•NÚCLEO DE PLANEJAMENTO E APOIO À GESTÃO - NPLAG
Telefones: (31) 3307-1671|1104
E-mail: sefae@tre-mg.jus.br
Chefia: Valéria Aparecida de Souza Machado

•SEÇÃO DE EDUCAÇÃO CORPORATIVA- SEDUC
Telefone: (31) 3307-1350|1270|1285|1249
E-mail: seduc@tre-mg.jus.br
Chefia: Liana Ishitani Silva

SEÇÃO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA - SEADI
Telefone: (31) 3307-1323|1324
E-mail: seadi@tre-mg.jus.br
Chefia: Verônica Alves de Souza Medeiros

SEÇÃO DE PESQUISA E CIDADANIA - SEPEC
Telefone: (31) 3307-1575|1657|1103|1955
E-mail: sepec@tre-mg.jus.br
Chefia: Marinéia Vieira de Almeida Marques

Projetos de Cidadania 

 

ELEITOR DO FUTURO

O programa ELEITOR DO FUTURO tem a finalidade de contribuir para a formação e a informação de adolescentes e jovens acerca do processo eleitoral e do papel do eleitor no processo de consolidação da cidadania política e da democracia, promovendo o debate e a reflexão.

O programa se desdobra em quatro projetos específicos: Eleitor do Futuro - Zonas Eleitorais, Eleitor do Futuro - Inovação, Eleitor do Futuro - Formação de Professores e Eleitor do Futuro - Extensão Universitária.

As ações de cidadania política desenvolvidas pela Escola Judiciária Eleitoral de Minas Gerais contribuem na capacitação dos cidadãos para o efetivo exercício dos direitos políticos, que, da perspectiva do eleitor, significa a possibilidade de escolha entre as opções políticas apresentadas no cenário eleitoral, de forma livre, autônoma e fundamentada em reflexões críticas.

Conheça o Eleitor do Futuro

 

CONHECENDO A JUSTIÇA ELEITORAL

Projeto que tem por objetivo aprofundar o conhecimento sobre o processo eleitoral, temas de Direito Eleitoral e história da Justiça Eleitoral, contribuindo para a formação escolar tanto de estudantes de ensino fundamental e médio, como também para a formação acadêmica de estudantes de ensino superior.

 Para saber mais, clique aqui.

 

CÂMARA MIRIM

O projeto Câmara Mirim  é uma iniciativa da Câmara Municipal de Belo Horizonte para o desenvolvimento da consciência política e participativa da sociedade, apostando na educação cidadã. Iniciado em 2008, o projeto é desenvolvido pela Escola do Legislativo da Câmara Municipal em parceria com a Escola Judiciária do TRE-MG e com a Secretaria Municipal de Educação.

A cada ano, o projeto elege 41 vereadores-mirins em dez escolas municipais, representantes de cada uma das regionais administrativas da cidade. Os eleitos se reúnem em sessões mensais na CMBH, onde aprendem sobre o processo legislativo, desenvolvem habilidades de oratória e trabalho em equipe e discutem temas importantes para suas escolas, comunidades e a cidade como um todo, realizando audiências e formulando propostas para a solução dos problemas levantados.

Saiba mais sobre o Câmara Mirim

 A capacitação na modalidade a distância da Escola Judiciária Eleitoral de Minas Gerais é voltada, principalmente, para o público interno, ou seja, magistrados eleitorais, servidores, estagiários, terceirizados e colaboradores eventuais, ainda que se considere a possibilidade de se expandir para outros públicos futuramente.

Os cursos são elaborados e produzidos por uma equipe especializada, composta por servidores da Seção de Educação a Distância, em parceria com conteudistas lotados nas diversas unidades.

Os tutores são, preferencialmente, instrutores internos do próprio órgão ou vinculados ao Poder Judiciário, de acordo com a legislação própria.

O planejamento dos cursos é realizado a partir de itinerários formativos, realizado em parceria com os diversos setores do Tribunal, e tem como diretrizes o Planejamento Político Pedagógico da Escola e o Planejamento Estratégico do TREMG, cuja a missão institucional é "Garantir a legitimidade do processo eleitoral".

Para o ano, estão previstas as seguintes ações de capacitação:

CURSOS EAD 2021

PÚBLICO

CURSO

PERÍODO

Servidores dos cartórios eleitorais e da Secretaria que fazem atendimento ao público

Atendimento ao Público

Maio e junho

Examinadores das prestações de contas 

Exame de Prestação de Contas Anual dos Partidos Políticos

Maio e junho

Servidores dos cartórios eleitorais

Atos Processuais: Aspectos Gerais dos Atos Processuais, Ações Cíveis Eleitorais e Cumprimento de Sentença e Execução Fiscal

Maio e junho

Gestores

Liderança Coach

Maio e junho