Corte Eleitoral tem novo juiz de direito substituto

Bruno Teixeira Lino substitui Cláudia Coimbra

Posse do juiz Bruno Lino

Bruno Teixeira Lino, juiz de direito titular da 28ª Vara Cível de Belo Horizonte (foto), tomou posse na tarde desta quinta-feira (11) como membro substituto do Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais, na classe de juiz de direito. Ele ocupa a vaga deixada pela juíza Cláudia Coimbra, que tomou posse como titular da Corte Eleitoral.

Ao dar posse ao novo juiz, o desembargador Marcos Lincoln dos Santos, membro substituto da Corte Eleitoral e no exercício da Presidência, afirmou “que o serviço público representa compromisso constante e que se renova a cada fase da carreira, com as novas atribuições que serão exercidas pelo empossado.” Disse mais, que o juiz Bruno Teixeira, com “sua capacidade intelectual e técnica, trará valor e enriquecerá a Corte Eleitoral”.

Bruno Teixeira foi também saudado pelos demais integrantes da Corte Eleitoral, pelo procurador eleitoral Ângelo Giardini e, representando a OAB/MG, pelo advogado Raimundo Cândido Neto.

O novo integrante agradeceu aos presentes e a todos que colaboraram na sua trajetória pessoal e profissional e, ainda, ao Tribunal de Justiça, pela sua eleição para a Corte Eleitoral. Discorrendo sobre o período em advogou e depois atuou como Promotor de Justiça, reafirmou o compromisso de respeito a essas duas instituições. Destacou, também, que o período em que foi juiz eleitoral servirá de norte para atuar no TRE. Ao final, disse que está pronto para servir, buscando assegurar o processo eleitoral e o respeito ao eleitor.

Estiveram presentes à posse os desembargadores Geraldo Augusto de Almeida (ex-presidente do TRE e do TJMG), Maurício Pinto Teixeira (ex-integrante da Corte), José Fernandes Filho, magistrados, promotores de Justiça, familiares e amigos do juiz empossado.

Perfil

Natural de Belo Horizonte, Bruno Teixeira Lino é graduado em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade Federal de Minas Gerais (1989) e especialista em pela mesma instituição (1995). Foi Promotor de Justiça em Minas Gerais (1992-2000), quando ingressou na magistratura mineira. Exerceu a judicatura no Juizado Especial Cível do Barreiro em Belo Horizonte e nas Comarcas de Brumadinho, Vespasiano e Ribeirão das Neves. Em Brumadinho e em Vespasiano atuou também como Juiz Eleitoral.

Transferiu-se para o Juizado Especial Cível de Belo Horizonte em 2011. Atuou como Juiz Auxiliar da Primeira Vice-Presidência do Tribunal de Justiça de Minas Gerais em 2016 e, em 2018, como Juiz Auxiliar da Presidência do TJMG. Atualmente, é o Titular da 28ª Vara Cível de Belo Horizonte.

Composição

A Corte do Tribunal Regional Eleitoral é composta por sete membros titulares e igual número de substitutos. Dois desembargadores e dois juízes de direito são provenientes do TJMG, um juiz oriundo da Justiça Federal e dois são da classe dos advogados. Os integrantes atuam por dois anos, podendo ser reconduzidos por mais um biênio.

Siga-nos no Twitter.
Curta nossa página no Facebook.

Últimas notícias postadas

Recentes