Seis urnas foram sorteadas para auditorias no dia do 2º turno

Três passarão pela auditoria de funcionamento em condições normais de uso e outras três pela de autenticidade e integridade dos sistemas

Foto de dois homens e uma mulher atrás de uma mesa onde há três globos de sorteio.

O Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG) sorteou, neste sábado (28), em audiência pública, as três urnas eletrônicas que serão submetidas à auditoria de funcionamento da urna em condições normais de uso, a ser realizada neste domingo (29). As urnas sorteadas são da 152ª Zona Eleitoral, de Juiz de Fora (seção 156); da 91ª Zona Eleitoral, de Contagem (seção 142); e da 318ª Zona Eleitoral, de Governador Valadares (seção 99).O sorteio foi transmitido ao vivo pelo canal do TRE no YouTube.

As urnas sorteadas serão retiradas de seus locais de origem (já lacradas, constando os candidatos que concorrem no município e eleitores da seção) e transportadas, de carro ou avião – cedido pelos órgãos de segurança do estado –, para Belo Horizonte, onde ficarão sob a vigilância da Polícia Militar. O procedimento funciona como auditoria para comprovar a segurança e a confiabilidade do sistema informatizado de votação, por meio da comparação dos resultados da votação na urna eletrônica e em cédulas de papel. Os três cartórios eleitorais deverão agora substituir essas urnas por outras urnas eletrônicas de reserva, já existentes nas zonas.  

Na mesma audiência, foram também sorteadas as três urnas que passarão pela auditoria de verificação da autenticidade e integridade dos sistemas instalados nas urnas eletrônicas. Diferentemente das urnas da auditoria de funcionamento, a auditoria de verificação é feita na própria seção eleitoral.  São elas: seção 10 da 118ª Zona Eleitoral e seção 179 da 119ª Zona Eleitoral, ambas de Governador Valadares; e seção 269 da 315ª ZE, de Juiz de Fora.

Estiveram presentes no sorteio realizado na Sala de Sessões toda a Corte Eleitoral, com os seus membros titulares e substitutos; a representante do Ministério Público Eleitoral e outras autoridades e representantes de órgãos de segurança, de partidos políticos e de entidades da sociedade civil. Os procedimentos foram conduzidos pelo juiz Paulo de Tarso Tamburini Souza, presidente da Comissão de Auditorias do Sistema Eletrônico de Votação (CAVE).

A auditoria de funcionamento em condições normais (que era chamada devotação paralela) foi instituída pelo TSE nas eleições municipais de 2002.  Todos os procedimentos no ambiente da votação paralela serão filmados em tempo integral, por câmeras posicionadas na frente do terminal do eleitor. Caso não haja coincidência entre os resultados, deverá ser rastreada, nos registros de vídeo, a gravação dos votos que apresentaram diferença.

Já a auditoria de verificação da integridade dos sistemas foi instituída nas Eleições 2018. Este ano é a primeira vez que ela é realizada em eleições municipais. Antes da impressão da zerésima, será emitido um relatório contendo os hashes (resumos digitais) e assinaturas dos programas instalados na urna. Essas informações poderão ser conferidas com as que estão disponíveis no site do TSE, para checagem se são os mesmos sistemas assinados na cerimônia de assinatura digital e lacração dos sistemas eleitorais.

Também haverá 2º turno em Uberaba, mas nenhuma seção eleitoral da cidade foi sorteada para as auditorias. Neste domingo, a votação será das 7h às 17h. Confira todas as informações sobre o 2º turno em Minas Gerais.

O desembargador Alexandre Victor de Carvalho, presidente do TRE, estará em Governador Valadares na manhã de domingo e vai acompanhar a auditoria de verificação dos sistemas na seção 10 da 118ª ZE, no Colégio Imaculada Conceição. Em seguida, ele dará entrevista a jornalistas no local. Às 8h, segue para o aeroporto e decola para Juiz de Fora, onde acompanhará a votação no Colégio Stella Matutina.

No final da tarde, estará em Contagem, no SESI Conjunto Assistencial Alvimar Carneiro de Rezende, para acompanhar a emissão do boletim de urna em uma seção eleitoral. Às 19h, dará uma entrevista coletiva no auditório do TRE (Avenida Prudente de Morais, 320).

Para saber mais sobre essas duas modalidades de auditoria, acesse a página de auditorias da votação eletrônica do TRE-MG.

 

Siga-nos no Twitter e no Instagram.
Curta nossa página no Facebook

Confira outras fotos do sorteio no Flickr.

Últimas notícias postadas

Recentes