Eleições simuladas em Diamantina levarão cerca de três mil crianças às urnas

Projeto visa despertar a consciência política e incentivar a participação das crianças no processo eleitoral

Projeto Eleições do Futuro em Diamantina em setembro de 2014.

Na próxima quarta-feira (5), cerca de três mil crianças entre 5 e 15 anos, estudantes de 19 escolas públicas e particulares de Diamantina, irão às urnas. Serão as eleições simuladas promovidas pelo projeto “Eleições do Futuro: formando hoje, a cidadania do amanhã”, iniciativa da 101ª Zona Eleitoral, de Diamantina, com apoio da Escola Judiciária Eleitoral de Minas Gerais (Ejemg). A votação será das 9h às 15h, na Praça do Mercado Velho da cidade. A diretor-executiva da Ejemg, juíza Roberta Rocha Fonseca, estará presente.

As eleições simuladas serão feitas em 20 urnas eletrônicas, e cada uma delas corresponderá a uma seção eleitoral. Cada seção terá dois mesários, que são estudantes das escolas participantes com idades entre 12 e 15 anos. Os mesários – chamados de “mesários do futuro” – serão treinados pela equipe da 101ª Zona Eleitoral no dia 4 de setembro, e, no dia das Eleições 2018, em 7 de outubro, poderão observar de perto o trabalho dos mesários oficiais.

Cada seção eleitoral estará apta a receber 150 eleitores, cada um deles portando o seu título de eleitor. Foram confeccionados três mil títulos, distribuídos previamente às escolas participantes, com o mesmo layout do documento oficial, mas com a identificação “Eleições do Futuro”. Após o voto de cada estudante, o título será recolhido pela mesa receptora de votos.

No dia das eleições simuladas, além da votação e da proclamação dos eleitos e diplomação, haverá rua de lazer – promovida pela Prefeitura de Diamantina – e um concurso cultural, parte do projeto “Eleições do Futuro”. O concurso premiará os melhores desenho, poesia, paródia e redação feitos pelos estudantes com o tema “O que eu quero fazer pelo Brasil no futuro”.

Após o término da votação, a junta apuradora, formada pelos servidores da 101ª Zona Eleitoral, presidida pelo juiz eleitoral Tiago Ferreira Barbosa e acompanhada pelos fiscais dos partidos – também estudantes das escolas -, fará a apuração dos votos. A proclamação dos eleitos e a diplomação serão feitas em seguida, às 16h, com presença de autoridades da cidade, apoiadores do projeto e representantes do TRE.

Mais sobre o projeto

O projeto “Eleições do Futuro: formando hoje, a cidadania do amanhã” está em sua segunda edição, a primeira ocorreu em 2014 (foto). As atividades ocorrem em duas etapas: a primeira, composta por palestras e aulas expositivas sobre conceitos relacionados a cidadania, democracia e processo eleitoral; e a segunda, que compreende o dia das eleições simuladas. Para viabilizar todas as etapas, o TRE firmou convênio com a Universidade do Estado de Minas Gerais, a Prefeitura e a Câmara Municipal de Diamantina.  No dia 22 de agosto, estiveram no Tribunal em Belo Horizonte o prefeito Juscelino Roque; o presidente da Câmara, Gilson Batista; e o diretor da unidade da UEMG, André Luis Elói. Eles foram recebidos pelo presidente do TRE, desembargador Pedro Bernardes e pela juíza Roberta Fonseca.

As atividades do projeto estão em curso desde o início do mês de agosto. Para proporcionar aos estudantes uma visão mais próxima da realidade, são realizados quase todos os atos do processo eleitoral oficial, como as convenções partidárias, elaboração de plano de governo, registro de candidaturas e campanha eleitoral. Alunos do curso de Direito da UEMG auxiliam as crianças na execução das atividades.

Haverá, ainda, um debate transmitido pela TV Vale, apoiadora do projeto, no dia 4 de setembro, entre os candidatos ao cargo de Presidente.


Sugestão de pauta: eleições simuladas em Diamantina

Data: quarta-feira, 5 de setembro
Horário: a partir das 9h
Local: Praça do Mercado Velho em Diamantina



Siga-nos no Twitter e no Instagram.
Curta nossa página no Facebook.

Últimas notícias postadas

Recentes